Salute! Agora está no Facebook!

http://www.facebook.com/pages/Salute/161636923897847

Classificação:

Salute agora está no Facebook! Lá, você terá acesso a mais um canal totalmente voltado para melhorar sua qualidade de vida, com lindas músicas, paisagens, mensagens e vídeos para encantar seu dia a dia!

Hamburguer de Carne Light

Ingredientes

500 gramas de patinho moído duas vezes (para ficar mais light ainda, peça para o açogueiro tirar todas as gorduras aparentes da carne antes de moer duas vezes)

½ Envelope de Creme de Cebola Maggi (ou, se preferir utilizar creme de cebola light, pois terá menos sódio e glutamato)

3 Colheres (sopa) de molho inglês

1 Colher (sopa) de salsinha finamente picada

3 Colheres (sopa) de aveia em flocos finos

Pimenta a gosto.


Modo de preparo
Junte todos os ingrediente em uma vasilha e misture bem com as mãos, protegidas com luvas, até ficar uma massa bem homogênea.

Com a ajuda de uma hamburgueira (encontrar em lojas de utensílios domésticos) modele os hamburgues. Se você não tiver, pode utilizar uma xícara de boca larga ou cortadores redondos de metal (vendidos em lojas de utensílios para confeitaria, ex: loja Barra Doce de Moema).

Você pode, se quiser, pesar os hamburguers antes de modelar para garantir que fiquem todos com o mesmo tamanho. O tamanho adequado é de aproximadamente 75 gramas cada.

Unte com óleo de canola uma frigideira antiaderente, retire o excesso com papel toalha, coloque o hamburguer, tampe a frigideira e frite até dourar dos dois lados. (importante sempre em fogo baixo, para não queimar)

Sirva como sanduíche ou como acompanhamento de uma salada de folhas verdes.

Tome cuidado se você acrescentar queijo e maionese no sanduiche, pois em excesso, aumenta consideravelmente as calorias do lanche. De preferência utilize maionese light (1/2 colher de sopa) e 1 fatia fina de queijo prato.

Acrescente folhas verdes, tomate em rodelas, cebola em rodelas a vontade, pois assim aumentará a saciedade.

Dicas de congelamento

Os hamburgueres podem ser moldados, cortados e congelados em uma assadeira grande protegida com papel celofane culinário ou similar. Arrume os hamburgueres sobre o celofane mantendo uma distância entre eles, para que não encostem um no outro. Deixe no freezer por mais ou menos 1 hora, retire a forma, e com os hamburgueres já com a superfície endurecida, será possível embalá-los um a um com filme de PVC sem danificá-los.

Coloque todos os hamburgueres em uma embalagem plástica própria para freezer, feche bem, e mantenha-os congelados até a hora de servir.

Para preparar, retire o hamburguer ainda congelado e coloque diretamente na frigideira e siga as informações de preparo informados acima.


 
 

Ovo Frito (light)

Ovo Frito (light)

 

Ingredientes

1 ovo de galinha cru

½ colher de chá de óleo de canola

1 pitada de sal light

 

Modo de Fazer

Coloque em uma frigideira pequena antiaderente o óleo de canola, e com o auxílio de papel toalha, espalhe o óleo pela frigideira como se estivesse untando uma fôrma de bolo. O papel toalha fará com que o óleo fique em toda superfície da frigideira, formando assim uma película de óleo, e também ajudará a retirar o excesso de óleo. Coloque o ovo de galinha cru na frigideira ainda fria, acrescente o sal light, tampe a frigideira, e frite em fogo baixo com a frigideira sempre tampada até que a gema endureça, apague e sirva a seguir.

 

Dicas de congelamento

Esta receita não pode ser congelada

 

Rendimento

1 unidade

 

Variações da Receita

Com o mesmo processo pode-se fazer ovo mexido. Coloque o ovo na frigideira ainda fria, frite em fogo baixo, mexendo sempre até ficar bem sequinho e soltinho. Sirva a seguir.

 

Sugestões para servir

Pode ser servido como acompanhamento de uma porção de arroz light com sal light, uma porção de feijão caseiro light e 1 xícara de chá de couve mineira picada refogada com alho picado em 1 colher de chá de azeite.  Para o preparo de todos os pratos, sempre usar panelas antiaderentes. Outra opção é fazer um sanduiche com pão francês e servir no jantar acompanhado de uma salada verde, temperada com limão, sal e 1/2 colher de chá de azeite extra virgem. É também uma ótima opção para ser consumido no café da manhã (desjejum), pois ajuda a saciar a fome ao longo do dia, e em outras refeições é possível se alimentar com mais calma.

 

Informações Nutricionais

O consumo de ovos crus ou mal cozidos pode causar danos à saúde.  NUNCA consuma ovos fritos com a gema mole. O tempo correto de fritura do ovo, para evitar danos à saúde, se dá quando a gema fica dura. Procure comprar ovos ricos em Omega 3 e Vitamina E pois fazem melhor a saúde. E para quem tem hipertensão, tome cuidado com o excesso de sal na hora de preparar os alimentos, o ideal é utilizar sal light e não o sal comum. O sal light também contém sódio e por isto também deve ser usado com moderação.

 

Se você pretende mudar seus hábitos alimentares, consulte antes seu Médico.

 
 

Feijão Caseiro light (sem óleo)

Feijão Caseiro light (sem óleo)

 

Ingredientes

1 Kg de Feijão Carioca (ou 6 xícaras de chá)

2 folhas de louro

1 cebola grande picada

2 dentes de alho picados

2 tabletes de caldo para feijão Brasileirinho Knorr

24  xícaras de chá de água filtrada (4 xícaras de água para cada xícara de feijão)

Coentro a gosto

 

Modo de Fazer

Escolha e lave o feijão. Coloque de molho na véspera diretamente na água que irá ser cozido. No outro dia, coloque para cozinhar em fogo alto com 2 folhas de louro.

Depois de aproximadamente 1 hora e 1/2 de cozimento ou mais (depende do frescor do feijão e também da chama de cada fogão), verifique se o feijão está "al dente". Se estiver, coloque os caldos em tabletes e deixe ferver.

Separe 2 xícaras de feijão cozido (ou mais de for necessário) e amasse com um garfo, Reserve.

A parte, em uma frigideira antiaderente, coloque a cebola e frite (sem óleo) até que ela fique transparente, por último acrescente o alho picado, mecha, e em seguida retire duas ou três conchas de feijão cozido da panela e coloque na frigideira, deixe ferver um pouco para pegar gosto.

Em seguida, transfira todo o conteúdo da frigideira para a panela de cozimento do feijão. Junte o feijão amassado e cozinhe até ficar macio.

 

Dicas de congelamento

Coloque o feijão em potes de sua preferência (próprio para freezer), etiquete, tampe e coloque no freezer para congelar.

Na hora de servir é só tirar o feijão do freezer, destampar e colocar no microondas semi tampado (verifique se a tampa do pote pode ir ao microondas) na potência 3 por aproximadamente 10 minutos.

Se o feijão ainda estiver morno, coloque os potes abertos em geladeira até que esfriem, depois tampe e leve ao freezer, isto evitará a formação de gotículas de gelo nas tampas dos potes.

  

Rendimento

10 porções de 1 xícara de chá

 

Variações da Receita

Pode-se acrescentar coentro a gosto na hora de temperar o feijão.

Se quiser engrossar mais o caldo do feijão acrescente 1 colher pequena ou um pouco mais de fermento em pó Royal e deixe ferver até engrossar.

Pode-se acrescentar uma cenoura grande descascada para cozinhar junto com o feijão, pois dá um sabor delicioso, mas antes de servir pique a cenoura em pedaços bem pequenos e misture novamente ao feijão, ou retire e descarte a cenoura antes de servir.

 

Sugestões para servir

Pode ser servido com arroz branco light com sal light, bife de carne bovina passado no azeite e couve picada refogada com alho e sal light. De entrada, sirva uma boa salada verde com tomates, pepinos e cebolas a Juliana.

 

Informações Nutricionais

Nesta receita é melhor utilizar o caldo para feijão Knorr do que o sal light para temperar, pois o caldo tem apenas 177,68 Mg de Sódio por grama do produto, enquanto o sal light possui 191 Mg de sódio por grama.

Caso você queira receber as informações nutricionais desta receita por email, poste um comentário com seus dados para retorno solicitando o envio. Enviarei o mais breve possível.

 

 

Se você pretende mudar seus hábitos alimentares, consulte antes seu Médico.

 

 
 

Agora o "Coma com saúde... E muito bem!!!" está no Twitter!!!

http://twitter.com/comacomsaude

Classificação:

 
 

Arroz light com sal light (sem óleo)

Arroz light com sal light (sem óleo)

 

Ingredientes

2 alhos picados

1 cebola grande picada

3 xícaras de chá de arroz branco tipo 1

1 colher de sopa de sal light

6 xícaras de chá de água filtrada

 

Modo de Fazer

Lavar, escorrer e deixar secar naturalmente o arroz. Quando estiver seco, coloque para ferver a água filtrada em uma chaleira.

Em outra panela antiaderente coloque a cebola e os alhos picados, coloque para refogar em fogo brando e vá mexendo com uma colher apropriada para este tipo de panela, como se estivesse fritando (sem óleo) todos os ingredientes.

Quando a cebola estiver bem sequinha e transparente acrescente o arroz, misture bem e continue mexendo, como se estivesse fritando também (sem óleo), até que o arroz fique bem soltinho.

Em seguida, acrescente a água fervente, misture bem e acrescente o sal light e mexa bem.

Em fogo brando ainda e com a panela semi tampada deixe o arroz cozinhar até que a água evapore um pouco e apareça a superfície do arroz, em seguida tampe totalmente a panela e deixe terminar o cozimento até que o arroz fique bem seco, apague o fogo e deixe o arroz tampado por mais 1 minuto.

Para verificar se o arroz está seco, abra uma cova central no arroz com o auxílio de um garfo, se não tiver mais água no fundo da panela o arroz está pronto.

Para o arroz ficar mais soltinho, mexa o arroz com um garfo como se estivesse afofando a terra de um vaso. Sirva a seguir.

 

Dicas de congelamento

Frite (sem óleo) o arroz conforme descrito na receita e acrescente apenas 5 xícaras de chá de água fervente e cozinhe o arroz normalmente com o tempero. 

Depois de pronto divida em porções iguais e coloque em recipientes hermeticamente fechados (de plástico ou vidro), mas antes de fechar coloque os recipientes abertos na geladeira até esfriar totalmente para evitar formação de gotículas de gelo.

Depois de frio, coloque filme plástico em cima da superfície do arroz e aperte bem para sair todo o ar, feche bem com a tampa e leve ao freezer.

Esta alteração na quantidade de água fervente permitirá que o arroz fique mais "al dente" e evitará que o arroz fique extremamente mole na hora de esquentar no microondas ou no banho-maria, já que o processo de congelamento tende a amolecer mais os alimentos.

 

Rendimento

12 porções (1 xícara de chá por porção)

 

Variações da Receita

Para variar pode-se acrescentar salsinha picada no final do cozimento do arroz e mexer bem / ou acrescentar açafrão a gosto juntamente com o sal light / ou acrescentar cenoura crua ralada juntamente com o sal light.

 

Sugestões para servir

Se você quiser servir o arroz bem soltinho é importante servi-lo ainda fresco e bem quente ou seguir as dicas de congelamento.

No caso de arroz congelado, retire o recipiente do freezer, remova o filme plástico e coloque para descongelar/esquentar em microondas com o recipiente semi tampado.

 

Informações Nutricionais

Caso você queira receber as informações nutricionais desta receita por email, poste um comentário com seus dados para retorno solicitando o envio. Enviarei o mais breve possível.

Se você pretende mudar seus hábitos alimentares, consulte antes seu Médico.

 
 

Bacalhau ao forno light

Bacalhau ao forno light

 

Ingredientes

3 alhos picados em lâminas

1 cebola grande cortada em rodelas

½ colher de chá de sal light Cisne ou ½ tablete de caldo de bacalhau Knorr ou 1 tablete de  caldo de bacalhau (faça sua escolha – ver Informações Nutricionais)

350 gramas de lombo de bacalhau Gadus Morhua (legítimo bacalhau do Porto)

3 batatas médias

½ pimentão amarelo (cortado em rodelas)

½ pimentão vermelho (cortado em rodelas)

½ pimentão verde (cortado em rodelas)

6 unidades de azeitonas pretas

½ xícara de chá de salsinha picada

1 colher de sopa de azeite de oliva extravirgem (opcional)

1 1/2 xícaras de chá de água filtrada

2 ovos de galinha cozidos

o quanto baste de leite desnatado

 

Modo de Fazer

Coloque o lombo de bacalhau de molho em água filtrada por 72 horas em recipiente fechado dentro da geladeira, e troque a água a cada intervalo de 6 a 8 horas.

Passado o tempo recomendado de dessalga, retire o bacalhau da água. Aqueça o suficiente de leite desnatado para cobrir o bacalhau, antes de ferver desligue o fogo e coloque o bacalhau dentro do leite e reserve.

Lave bem as batatas e coloque para cozinhar inteiras sem retirar a casca, quando estiverem cozidas, escorra e reserve.

Cozinhe os ovos e reserve.

Em outra panela antiaderente, em fogo baixo, coloque o azeite (opcional), a cebola em rodelas, o alho em lâminas, e vá mexendo como se estivesse fritando os ingredientes, acrescente os pimentões cortados em rodelas, as azeitonas, e mexa bem.

Em seguida, acrescente a água filtrada e o tablete de tempero ou sal light e deixe ferver sempre mexendo para que todos os ingredientes "soltem" seus sabores no caldo que irá se formar e se necessário acrescente mais água filtrada. Se acrescentar água em excesso deixe reduzir bem o caldo, o suficiente para criar uma lâmina de caldo na forma refratária que irá ser preparado o bacalhau.

No final acrescente a salsinha e outros temperos de sua preferência: pimenta branca, orégano, cebolinha e etc. (não acrescente tempero que tenham em sua composição sal, pois a azeitonas e o tablete de tempero de bacalhau já tem sal). Experimente o caldo para verificar se já incorporou todos os sabores, e se os ingredientes já estão cozidos, se sim, desligue e reserve.

 Agora é o momento de retirar a casca e fatiar em rodelas grossas de 1 cm a batata reservada. Coloque as rodelas de batatas num refratário, sem untar, formando um "colchão" para o bacalhau. Em cima das batatas, coloque o lombo de bacalhau já cortado em 3 porções ou mais se preferir, o bacalhau não pode ficar em contato direto com o refratário. Despreze o leite desnatado.

Em cima do bacalhau coloque todos os outros ingredientes juntamente com o caldo que se formou na panela, de forma que os pimentões, as cebolas e alhos cubram o bacalhau totalmente.

Leve ao forno pré-aquecido a 180º ou 200º por mais ou menos 30 minutos, apenas para aquecer todos os ingredientes. Vá regando com o caldo durante o aquecimento. É importante não deixar o bacalhau exposto, pois pode ficar ressecado, cubra-o bem com os temperos.

A idéia é que fique um bacalhau bem macio, desmanchando em lascas.

Quando estiver bem quente, retire do forno, e decore com os ovos cozidos. Sirva a seguir.

Dicas de congelamento

Para congelar a receita pronta é necessário deixar o bacalhau coberto com todos os ingredientes para não ressecar, mas o mais importante é retirar os ovos cozidos e as batatas antes de congelar, pois não ficam bons.

Coloque em um recipiente aberto na geladeira para resfriar a receita, quando estiver frio, cubra com filme de PVC e aperte bem para sair todo o ar, feche o recipiente e leve ao freezer. Deixe para cozinhar os ovos e as batatas na hora de servir, e monte o prato da mesma forma com o bacalhau pronto já descongelado, e coloque apenas para esquentar no forno. Decore o prato já quente com os ovos cozidos.

Se quiser saber como congelar o bacalhau já dessalgado e cru, antes do preparo, acesse o blog Salute! E leia o artigo "O Bacalhau" no link "Os alimentos".

Congelar o bacalhau já dessalgado fica muito mais prático quando você quiser preparar uma receita.

  

Rendimento

3 porções de 116 gramas de lombo bacalhau + 1/3 dos acompanhamentos

Variações da Receita

Pode-se variar a gosto esta receita, retirar algum ingrediente, alterar o tempero, substituir algum ingrediente, pois o importante é mesmo tomar cuidado com a gordura e o sal adicionados na hora do preparo ou de servir.

 

Sugestões para servir

Pode-se servir o bacalhau acompanhado de arroz branco ou integral, de brócolis no vapor ou outros legumes de sua preferência no vapor.

De entrada, pode-se servir uma salada verde, mas não coloque óleo ou azeite em excesso para temperar, tempere com no máximo 1/2 colher de chá de azeite extravirgem por porção juntamente com outros temperos de sua preferência, cuidado com molhos prontos para salada.

E de sobremesa, frutas de sua preferência picadas, e pode-se colocar adoçante em pó em cima das frutas para ficarem mais docinhas; ou 1/2 xícara de chá de suco de laranja sem açúcar por porção para formar uma salada de frutas; ou gelatina light do sabor de sua preferência.

Para finalizar pode-se servir chá verde, que ajudará na digestão, ou outro chá de sua preferência com adoçante.

 

Informações Nutricionais

É muito importante colocar o lombo de bacalhau de molho durante o tempo indicado no modo de fazer, para que seja possível retirar o máximo de sal do peixe, já que o molho convencional de 48 horas ainda deixa uma quantidade consideravelmente "grande" de sal, com aproximadamente 2381 gramas de sódio por porção da receita pronta quando preparada com 1 tablete de caldo, quando preparada com 1/2 tablete de caldo fica com aproximadamente 2061 gramas de sódio, e quando preparada com 1/2 colher de chá de sal light fica com aproximadamente 1868 gramas de sódio.

O que equivale a dizer que quem consome uma porção desta receita com 1 tablete de caldo e com dessalga convencional (48 horas) está ingerindo 6,1 gramas de sal comum, o que excede o recomendado pelo Ministério da Saúde para o consumo em um dia, além de conter o ingrediente glutamato monossódico em sua composição o que não é recomendado para hipertensos.

Outra questão é a quantidade de azeite, apesar de ser benéfico à saúde ele contém muitas calorias e é por este motivo que no preparo da receita recomenda-se utilizar no máximo 1 colher de sopa de azeite, ou até não acrescentar azeite durante o preparo e deixar para colocar no prato apenas 1 colher de sobremesa ou ½ colher de sobremesa por pessoa, já que o azeite  preserva melhor suas propriedades quando não é aquecido a grandes temperaturas.

A azeitona é outro alimento que temos que tomar cuidado, pois ela é rica em sódio e tem calorias consideravelmente altas, apesar de ter gorduras insaturadas em sua composição e que fazem bem a saúde. Procure comer 1 azeitona e no máximo duas para evitar exageros, deixe as azeitonas só para decorar o prato, você não precisa comer toda a decoração.

Se a guarnição for arroz branco, de preferência a receita já postada no blog "Arroz branco light com sal light", procure comer pouca batata que acompanha o bacalhau, pois ela tem amido e tem alto teor de carboidratos em sua composição juntamente com o arroz.

Recomendo que você escolha um dia da semana para ser o dia da recompensa, ou seja, faça sua reeducação alimentar regularmente durante 6 dias da semana e escolha 1 dia para comer receitas “lights” mais calóricas ou comer algo que está com muita vontade. Depois de escolhido qual será o dia da recompensa, aí sim, prepare esta receita de preferência na hora do almoço, pois você ainda terá o restante do dia para fazer a digestão corretamente e tomar bastante líquido para evitar que o corpo acumule líquidos devido o excesso de sal.

Tome cuidado se você for comprar aquele bacalhau já dessalgado em embalagem a vácuo que vende nos mercados e empórios, pois ele contém uma quantidade muito grande de sal e por conseqüência de sódio.

Veja artigo "Hipertensão" no blog Salute! No link "Doenças".

Se você pretende mudar seus hábitos alimentares, consulte antes seu Médico.

 
 

Arroz light com sal comum (sem óleo)

Arroz light com sal comum (sem óleo)

 

Ingredientes

2 alhos picados

1 cebola grande picada

3 xícaras de chá de arroz branco tipo 1

1 colher de sopa de sal comum

6 xícaras de chá de água filtrada

 

Modo de Fazer

Lavar, escorrer e deixar secar naturalmente o arroz . Quando estiver seco, coloque para ferver a água filtrada em uma chaleira.

Em outra panela antiaderente coloque a cebola e os alhos picados, coloque para refogar em fogo brando e vá mexendo com uma colher apropriada para este tipo de panela, como se estivesse fritando (sem óleo) todos os ingredientes.

Quando a cebola estiver bem sequinha e transparente acrescente o arroz, misture bem e continue mexendo, como se estivesse fritando também (sem óleo), até que o arroz fique bem soltinho.

Em seguida, acrescente a água fervente, misture bem e acrescente o sal comum e mexa bem. Em fogo brando ainda e com a panela semi tampada deixe o arroz cozinhar até que a água evapore um pouco e apareça a superfície do arroz, em seguida tampe totalmente a panela e deixe terminar o cozimento até que o arroz fique bem seco, apague o fogo e deixe o arroz tampado por mais 1 minuto.

Para verificar se o arroz está seco, abra uma cova central no arroz com o auxílio de um garfo, se não tiver mais água no fundo da panela o arroz está pronto.

Para o arroz ficar mais soltinho, mexa o arroz com um garfo como se estivesse afofando a terra de um vaso. Sirva a seguir.

 

Dicas de congelamento

Frite (sem óleo) o arroz conforme descrito na receita e acrescente apenas 5 xícaras de chá de água fervente e cozinhe o arroz normalmente com o tempero.

Depois de pronto divida em porções iguais e coloque em recipientes hermeticamente fechados (de plástico ou vidro), mas antes de fechar coloque os recipientes abertos na geladeira até esfriar totalmente para evitar formação de gotículas de gelo.

Depois de frio, coloque filme plástico em cima da superfície do arroz e aperte bem para sair todo o ar, feche bem com a tampa e leve ao freezer. Esta alteração na quantidade de água fervente permitirá que o arroz fique mais "al dente" e evitará que o arroz fique extremamente mole na hora de esquentar no microondas ou no banho-maria, já que o processo de congelamento tende a amolecer mais os alimentos.

 

Rendimento

12 porções (1 xícara de chá por porção)

 

Variações da Receita

Para variar pode-se acrescentar salsinha picada no final do cozimento do arroz e mexer bem / ou acrescentar açafrão a gosto juntamente com o sal light / ou acrescentar cenoura crua ralada e vagem picada  juntamente com o sal comum.

 

Sugestões para servir

Se você quiser servir o arroz bem soltinho é importante servi-lo ainda fresco e bem quente ou seguir as dicas de congelamento.

No caso de arroz congelado, retire o recipiente do freezer, remova o filme plástico e coloque para descongelar/esquentar em microondas com o recipiente semi tampado.

 

Informações Nutricionais

E para ficar uma refeição mais saudável  é melhor optar pela receita de "Arroz Branco light com sal light (sem óleo)" já postada no blog, pois em comparação com esta receita, possui menos sódio (menos 298,50 Mg de sódio por porção)  e mais potássio (mais 400,5 Mg de potássio por porção).

IMPORTANTE: Leia o artigo no Blog Salute! sobre Hipertensão pois não são todas as pessoas que podem usar substitutos do sal.

Caso você queira receber as informações nutricionais mais detalhadas desta receita por email, poste um comentário com seus dados para retorno solicitando o envio. Enviarei o mais breve possível.

 

Se você pretende mudar seus hábitos alimentares, consulte antes seu Médico.

 
 

Arroz light com caldo em tablete (sem óleo)

Arroz light com caldo em tablete (sem óleo)

 

Ingredientes

2 alhos picados

1 cebola grande picada

3 xícaras de chá de arroz branco tipo 1

2 tabletes de caldo para Arroz Maggi

6 xícaras de chá de água filtrada

 

Modo de Fazer

Lavar, escorrer e deixar secar naturalmente o arroz. Quando estiver seco, coloque para ferver a água filtrada em uma chaleira.

Em outra panela antiaderente coloque a cebola e os alhos picados, coloque para refogar em fogo brando e vá mexendo com uma colher apropriada para este tipo de panela, como se estivesse fritando (sem óleo) todos os ingredientes.

Quando a cebola estiver bem sequinha e transparente acrescente o arroz, misture bem e continue mexendo, como se estivesse fritando também (sem óleo), até que o arroz fique bem soltinho.

Em seguida, acrescente a água fervente, misture bem e acrescente os tabletes de caldo para arroz (se quiser, pique os tabletes de caldo para arroz antes de acrescentar na panela, isto falicitará a dissolução dos mesmos) e mexa bem.

Em fogo brando ainda e com a panela semi tampada deixe o arroz cozinhar até que a água evapore um pouco e apareça a superfície do arroz, em seguida tampe totalmente a panela e deixe terminar o cozimento até que o arroz fique bem seco, apague o fogo e deixe o arroz tampado por mais 1 minuto.

Para verificar se o arroz está seco, abra uma cova central no arroz com o auxílio de um garfo, se não tiver mais água no fundo da panela o arroz está pronto.

Para o arroz ficar mais soltinho, mexa o arroz com um garfo como se estivesse afofando a terra de um vaso. Sirva a seguir.

Dicas de congelamento

Frite (sem óleo) o arroz conforme descrito na receita e acrescente apenas 5 xícaras de chá de água fervente e cozinhe o arroz normalmente com o tempero. 

Depois de pronto divida em porções iguais e coloque em recipientes hermeticamente fechados (de plástico ou vidro), mas antes de fechar coloque os recipientes abertos na geladeira até esfriar totalmente para evitar formação de gotículas de gelo.

Depois de frio, coloque filme plástico em cima da superfície do arroz e aperte bem para sair todo o ar, feche bem com a tampa e leve ao freezer.

Esta alteração na quantidade de água fervente permitirá que o arroz fique mais "al dente" e evitará que o arroz fique extremamente mole na hora de esquentar no microondas ou no banho-maria, já que o processo de congelamento tende a amolecer mais os alimentos.

Rendimento

12 porções (1 xícara de chá por porção)

 

Variações da Receita

Para variar pode-se acrescentar salsinha picada no final do cozimento do arroz e mexer bem / ou acrescentar açafrão a gosto juntamente com os tabletes de caldo / ou acrescentar cenoura crua ralada, pimentão picado, vagem picada juntamente com os tabletes/ ou substituir os tabletes de caldo de arroz por outro de sabor sua preferência.

 

Sugestões para servir

Se você quiser servir o arroz bem soltinho é importante servi-lo ainda fresco e bem quente ou seguir as dicas de congelamento.

No caso de arroz congelado, retire o recipiente do freezer, remova o filme plástico e coloque para descongelar/esquentar em microondas com o recipiente semi tampado.

 

Informações Nutricionais

Para o arroz ficar mais “magro” ainda pode-se substituir os tabletes de caldo para arroz por tabletes de caldo do sabor de sua preferência, mas que tenham 0% de gordura.

E para ficar uma refeição mais saudável ainda é melhor optar pela receita de "Arroz Branco light com sal light (sem óleo)" já postada no blog, pois em comparação com esta receita, possui menos sódio (menos 107,50 Mg de sódio por porção), mais iodo (mais 37,5 Mcg de iodo por porção) e mais potássio (mais 400,5 Mg de potássio por porção), além de possuir menos calorias (menos 4 calorias por porção) e menos gorduras saturadas (menos 0,3 g por porção).

IMPORTANTE: Leia o artigo no Blog Salute! sobre Hipertensão pois não são todas as pessoas que podem usar substitutos do sal.

Caso você queira receber as informações nutricionais mais detalhadas desta receita por email, poste um comentário com seus dados para retorno solicitando o envio. Enviarei o mais breve possível.

 

Se você pretende mudar seus hábitos alimentares, consulte antes seu Médico.

 
 

Bem Vindo (a)!

 

Boas Vindas!!!

 

 

Welcome!!!

Olá! Meu nome é Luciane e resolvi criar este outro blog com o intuito de tentar transmitir meus conhecimentos, de forma voluntária, com todas as pessoas que querem ter uma vida melhor e não sabem como preparar os alimentos de forma saudável.

Minha formação é engenharia civil, mas tenho particular fascinação pela Nutrição. E, como uma dona de casa, procuro me dedicar muito a minha família, principalmente com a saúde de todos que amo.

Em minhas andanças através das pesquisas em publicações nacionais e internacionais a respeito de Nutrição ao longo de minha vida, consegui entender um pouco de como ter uma qualidade de vida melhor e evitar um futuro cheio de complicações.

E uma das formas para se conseguir isto é mudar nossos hábitos alimentares e fazer uma reeducação alimentar. Muitas pessoas querem fazer uma reeducação alimentar, mas ainda tem dúvidas de como preparar os alimentos e também ás vezes não sabem qual o tamanho ideal da porção de cada receita para que não haja excesso nas quantidades, já que um alimento “light” também engorda se for ingerido em grandes quantidades além de possivelmente fazer mal a saúde.

E, é aqui que vou tentar ensinar uma forma de preparar os alimentos para que eles contenham menos gorduras, calorias, sal, mais nutrientes e o mais importante “sem perder o sabor”.

O objetivo é também ensinar como as pessoas podem armazenar suas preparações para evitar contaminações e evitar excesso de trabalho na cozinha já que quem dispõe de um freezer para armazenamento destas receitas pode elaborá-las em maior quantidade e concentrar o trabalho culinário em um único período.

Quem tiver interesse de receber as informações nutricionais de cada receita pode solicitá-las através do link comentário do blog, enviando nome, email de retorno e um comentário dizendo que quer receber estas informações. Terei o maior prazer de enviá-las no menor tempo possível.

Se tiverem alguma dúvida sobre qualquer outro assunto terei o maior prazer de esclarecer.

Quero aproveitar para agradecer ao meu marido por apoiar esta iniciativa, por tornar possível a minha instrução a respeito deste tema e também por manter todas as despesas que são necessárias para a elaboração deste trabalho.

Um brinde!

À uma vida com mais saúde!

 

O BLOG ADVERTE:

Antes de iniciar, quero orientar que todos devem procurar seus médicos antes de mudar seus hábitos alimentares, e também devem ser autorizados por eles para utilizarem estas receitas.

Estas instruções podem ser seguidas por pessoas saudáveis com idade de 20 a 65 anos (com a liberação de um médico), ou seja, que não tenham nenhum problema de saúde. Crianças, adolescentes, idosos e pessoas que tenham problemas de saúde devem ser orientadas por profissionais da saúde antes de utilizarem estas receitas.

[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]



Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, SAO PAULO, INDIANOPOLIS, Mulher, de 36 a 45 anos, Gastronomia, Saúde e beleza, Criadora e Editora do Blog
    Visitante número: